👉Frete Grátis Para Compras acima de R$180
👉Frete Grátis Para Compras acima de R$180
Estressada? Dicas de como gerenciar e evitar o estresse!

Estressada? Dicas de como gerenciar e evitar o estresse!

Se você anda tendo dificuldades para dormir, sente-se inquieta, confusa e sobrecarregada, saiba: você não está sozinha. Hoje vamos falar sobre o estresse, a reação que tem sido frequente na vida de muitas pessoas, especialmente em tempos de Pandemia. 

O que é Estresse?

Primeiramente, há diferentes tipos de estresse, a exemplo disso temos o Estresse Peritraumático, Pós-traumático, Estresse Agudo, Estresse Crônico, entre outros. Porém, de forma geral, podemos definir o Estresse como uma reação do organismo perante a um evento, o qual normalmente pode ser encarado negativamente, ocasionando nessa sensação com sintomas físicos e/ou emocionais.

Como citamos acima, por ser uma reação do organismo, o estresse pode vir acompanhado de sintomas físicos, que comprometem muitas vezes seu bem-estar integralmente. 

 

Aprenda identificar sinais

Nosso corpo é inteligente e sensível, nos dá sinais quando sente que está em desequilíbrio e desarmonia. Por isso é importante ficarmos atentas as nossas reações, sentimentos e sensações. Esse processo faz parte do autoconhecimento, e possibilitará uma maior facilidade no gerenciamento de estresse (que vamos falar mais a frente).

Ressaltamos que a prática regular de Psicoterapia, pode lhe dar ferramentas magnificas quando o assunto é autoconhecimento/auto compreensão. Dessa forma, indicamos que procure um profissional capacitado, existem muitos tipos de especialidades dentro da Psicologia, e cada profissional tem uma abordagem específica, nunca desista, as vezes a abordagem pode não ser a ideal para você e o profissional te ajudará com isso.  

Abaixo listamos alguns sintomas físicos Comuns em pessoas que sofrem de Estresse:

 

  • Acne (vamos abordar exclusivamente isso no próximo Blog!)
  • Dores de cabeça;
  • Dores Crônicas;
  • Alergias e problemas de pele;
  • Ficar doente ou gripado frequentemente;
  • Diminuição da energia e/ou insônia;
  • Alterações da libido;
  • Problemas digestivos;
  • Alterações no apetite;
  • Queda de cabelo;
  • Batimentos cardíacos acelerados;
  • Bruxismo;
  • Sudorese;
  • Tensão Muscular;

 

Lembrando que são sintomas, mas nem sempre estão presentes exclusivamente por conta do estresse, podem haver outros fatores físicos e emocionais, por isso também a importância de se observar e caso necessário buscar um profissional. 

Estresse e Pandemia 

 Não podemos falar do estresse sem citarmos o momento em que vivemos, durante 2020, até o presente, o mundo inteiro foi(e ainda é) influenciado pelo inicio da Pandemia da Covid-19, problemas de saúde pública, econômicos, familiares, onde nós tivemos que aprender a lidar com o isolamento e o luto.

O estresse tornou-se uma reação frequente em todos nós, em um estudo realizado no Brasil, sobre os "Fatores associados ao estresse em isolamento social durante a Pandemia de Covid-19" (MIRANDA, 2021) mostrou que a maior parte do  estresse era derivado, de forma geral,  da falta de socialização com outras pessoas (além das que conviviam em casa), isso é o convívio familiar intenso, as aulas em formato remoto, filhos, atividades domésticas, estudo/trabalho, e falta de espaço exclusivo para estudo ou trabalho no formato a distância ou "home office".

Mas apesar de estarmos em uma situação fora do controle individual (a Pandemia), o estudo aponta que é possível sim, gerir o estresse e diminui-lo, principalmente como forma de reduzir os sintomas físicos.

 

Estratégias para gerir o Estresse:

Pode parecer difícil, mas com autoconhecimento e algumas mudanças de hábitos é super possível ter uma melhoria no estilo de vida. Abaixo damos 10 dicas para gerenciar o estresse, segundo a Psicóloga Tatiana Pimenta:

  • Evite cafeína, álcool e nicotina;
  • Pratique Atividade Física;
  • Durma mais;
  • Experimente algumas técnicas de relaxamento;
  • Fale com alguém;
  • Mantenha um diário de stress;
  • Assuma o controle;
  • Gerencie seu tempo e reduza o stress;
  • Aprenda a dizer “não”;
  • Descanse quando estiver cansado;

 

Lembre que seu corpo sempre dá sinais sobre suas necessidades, dessa forma dê ouvidos e escute a si mesma! O estresse pode se tornar uma bola de neve, e acabar aumentando cada vez mais sua intensidade, caso não tratado. 

Se necessário procure um profissional da saúde para auxiliar! Mas importante, que incluas sua na sua rotina, atividades que também lhe propiciem bem-estar e lazer, assim sua vida já será mais equilibrada dentro da sua realidade.

Gostou desse artigo? Deixe seu comentário e nos ajude com ideias do que gostaria de ver mais por aqui!

 

 

 Fontes:

ANTONELLI-PONTI, Mayra et al. Efeitos da pandemia de COVID-19 no Brasil e em Portugal: estresse peritraumático. Revista Psicologia em Pesquisa, v. 14, n. 4, p. 239-259, 2020.

MIRANDA, Gilsie Bezerra Siebra. FATORES ASSOCIADOS AO ESTRESSE EM ISOLAMENTO SOCIAL DURANTE A PANDEMIA DE COVID-19. 2021.

ENUMO, Sônia Regina Fiorim et al. Enfrentando o estresse em tempos de pandemia: proposição de uma cartilha. Estudos de Psicologia (Campinas), v. 37, 2020.

DE TOLEDO, Juliana Nobre; DUARTE, Thaís Pinhatti; SCATOLIN, Danila Aparecida Buoro. A influência do estresse no aparecimento da acne.

https://www.vittude.com/blog/stress-dicas-para-gerenciar/


Deixe um comentário

Os comentários devem ser aprovados antes de serem publicados

Comment are moderated